Artigos e Notícias


Força viva: uma nova compreensão da música

01/10/2008

O texto do presente livro é extraído de inúmeras palestras do Mestre, proferidas ao longo de 40 anos e sempre acompanhadas de seu violino.

O Mestre ensina como devemos conscientemente compreender e interpretar a música de maneira filosófica, direcionando a vida humana neste mesmo sentido.

A MÚSICA COMO IDEIA

Como compreender a música - Algumas questões de Teoria Musical

SISTEMA TEMPERADO - VIBRAÇÕES

A única coisa que nos liga ao mundo são as vibrações musicais. Através delas, são transmitidos os mais belos pensamentos, sentimentos e ações. O pensamento é bem mais resistente quando transmitido de modo musical, o que também é válido para os sentimentos e as ações de nossa vida. O homem “não musical” não teria a possibilidade de se aproveitar da Música e, consequentemente, não poderia pensar, sentir ou agir corretamente. A Música é a expressão das vibrações. O terceiro princípio da Música ocorre através do cromatismo, de onde está embasada a vibração. Se o coração e a mente do homem não vibrarem, o que pode ele esperar da vida? Quando o homem for perspicaz o suficiente para entender as vibrações da luz, ele aceitará isso como uma expressão da musicalidade do Universo. O som apresenta vibrações harmoniosas da força inteligente. Os instrumentos não são somente transmissores do som, pois o mesmo não provém dos instrumentos, mas sim de outro lugar. O ar é o veículo transmissor do som, contudo, existe algo ainda mais significativo do que isso. O som significa algo; ele não está morto, ele é uma justaposição de termos que poderão ser lidos e traduzidos. Se o homem desenvolver sua Música interior ou a Música de sua consciência, poderá compreender todo o significado do som.

Leia o artigo completo em PDF